Logo Vida Salgada.png

Mergulhe nos Nossos Conteúdos

Faixa APN.png

Canoa havaiana: um esporte com tradições milenares


Foto: Kanaloa Va'a


Os esportes praticados em praia sempre nos trazem novidades e, nos últimos anos, vários esportes têm se popularizado, como o beach tênis e o bodysurf, que já apresentamos aqui no Portal Vida Salgada. Outro esporte que está se fortalecendo neste verão de 2021 é a canoa havaiana, uma prática de remo com tradições milenares. Para te apresentarmos esse esporte, resolvemos fazer uma aula experimental com a Kanaloa Va’a, que tem várias bases de treino em Florianópolis/SC, e te contar todos os detalhes de como foi essa experiência.


O treino que fizemos foi na base da Lagoa da Conceição, no canto direito com acesso pela Praia Mole. Só este local já é mágico, com uma beleza natural encantadora. O líder da Kanaloa Va’a é o Maurício, e, na ocasião, ele nos recebeu e passou todas as orientações. O fantástico desse esporte é que mesmo sem nunca ter praticado remo você já sai remando no primeiro dia. Claro que bem travado, mas até o final da primeira aula já é possível pegar o ritmo das remadas, memorizar os comandos e se consegue fluir mais nos movimentos.


Em um treino de uma hora remamos de uma ponta da lagoa a outra. E ao voltar à base, antes de finalizar o treino, paramos em uma prainha da lagoa que só tem acesso pela água. Um momento sublime para relaxar e nos conectar com a energia daquele local que é fortíssima. Dois pontos que nos sobressaíram: o primeiro é de que apesar de não ter nos apresentado nada sobre a história do esporte e sua ligação cultural, é incrível como temos a sensação de ligação com a cultura polinésia. Como se os ancestrais estivessem remando conosco. O outro ponto é a necessidade de sincronia dos movimentos e de como o grupo precisa se embalar e remar junto. Quando isso acontece a canoa responde deslizando lindamente e o nosso nível de força aplicado na remada pode diminuir.


Foto: Kanaloa Va'a


As canoas têm espaço para seis remadores (conhecida como OC6 em competições) e cada um tem uma função específica: o remador 1 é responsável pelo ritmo e frequência de cada remada, ele fica na frente da canoa; remador 2 segue o remador 1, mas do lado oposto, determinando o ritmo para os remadores 4 e 6. Outra responsabilidade é vigiar o iako (braço) dianteiro para evitar que uma forte oscilação faça a canoa virar; o remador 3 é quem faz a contagem das remadas, alternando o lado a cada período de tempo combinado pelo grupo, o que pode variar entre 14 a 20 remadas; o remador 4 é o responsável por vigiar o iako traseiro; O remador 5 tem a função de retirar o acúmulo de água na canoa; o remador 6 tem o cargo mais importante, funcionando como o leme da canoa e indicando a direção que deve ser seguida, fica localizado na parte de trás da canoa e é considerado o capitão.


Origem da canoagem havaiana


Canoa polinésia é o nome genérico dado à embarcação de origem polinésia que tem como peculiaridade um segundo casco que serve de estabilizador, permitindo que mantenha sua velocidade sem comprometer a sua estabilidade. Também chamadas de Canoa Havaiana, Wa'a, Va'a, Outrigger, essas embarcações foram muito importantes para o processo de colonização daquela região.


Esta denominação genérica é adotada para definir as canoas tradicionalmente utilizadas na região do triângulo polinésio. A Polinésia é um conjunto de ilhas no Oceano Pacífico, entre a Austrália e os Estados Unidos, do qual fazem parte o arquipélago do Havaí e o Taiti, que por sua vez faz parte da Polinésia Francesa.


Devido às características propícias, os habitantes de toda aquela região utilizavam as canoas como meio de transporte entre as ilhas. Cada região (ilha ou arquipélago) acabou desenvolvendo suas embarcações de acordo com as características locais. No Havaí, por exemplo, onde o mar é mais agitado, as canoas têm uma curva de fundo envergada, enquanto que no Taiti as embarcações possuem formato mais alongado, com um cockpit fechado para cada um ou dois remadores, dependendo do modelo. Todas têm em comum as três partes fundamentais neste tipo de embarcação: o casco (ou hull), o flutuador (ou ama) e os braços que ligam um ao outro (yakos).


Benefícios da prática


Os grupos musculares mais exigidos são: costas, core, ombro, braços, glúteos e posteriores da coxa. O esporte também auxilia na melhora do condicionamento cardiovascular, fortalecimento muscular, resistência muscular localizada, e na melhora da postura, da autoestima e da socialização.


Além dos benefícios físicos, a canoa havaiana contribui para o aprimoramento de habilidades comportamentais como o trabalho em grupo, a confiança, a sincronia de movimentos e o engajamento.


Foto: Kanaloa Va'a


Sobre a Kanaloa Va’a


A Kanaloa Va’a é uma escola de Canoagem Havaiana fundada em 2003, com bases em Florianópolis (Barra da Lagoa, Beira Mar Norte, Lagoa da Conceição, Centrinho da Lagoa e Cachoeira do Bom Jesus) e na Praia da Pinheira. Tem aulas regulares e também realiza inúmeros passeios como do Amanhecer, Lua Cheia e outros. Acesse o instagram deles para se encantar com os passeios e agende uma aula experimental pelo site.


#esportesdepraia #canoahavaiana #canoragem #remada #praia #verao


28 visualizações
Baner Ocean Venha Nadar.png
Pesquisa Perfil - Post.png

Leia as últimas publicações